188bet

Soja tem movimento técnico antes do USDA e feriadão chinês. Dólar em baixa

Publicado em 06/02/2024 17:20
Tempo e Dinheiro
Soja tem movimento técnico antes do USDA e feriadão chinês. Dólar em baixa
Já segue nosso Canal oficial no WhatsApp? Clique Aqui para receber em primeira mão as principais notícias do agronegócio

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

1 comentário

  • cleber zorzan dos santosassis chateaubriand-Pr - PR

    Parece que ao Agricultor Brasileiro só resta seguir os rumos tomados pelos agricultores da União Europeia, tentando fazer algum protesto nas estradas vindo a dificultar as exportações e os embarques nos portos, isso pode fazer a barriga deles doerem mais rapidamente, pois ao que me parece, todos os atores desta situação estao contra os agricultores, a mídia especializada tenta impor uma safra inexistente defendendo os interesses das traders, cooperativas e do especulador que remuneram eles, tentam comprar o máximo possível para vender com lucro, cooperativas tentam encher suas burras de soja afim de lucrar seus bilhões com a venda de farelo e óleo, a conab em conluio com vermelhos chineses escondem o numero da safra, todos contra o Agricultor, agora nos sabemos que eles precisam de comida, e a comida precisa estar na mesa deles, entao parece que nos restam poucas opções, ou ser escravos deste sistema implantado amargando os prejuízos nas costas.

    1
    • GiovaniSÃO SEPÉ - RS

      Perfeito.

      0
    • gerd hans schurtCidade Gaúcha - PR

      Enquanto o produtor rural escravo do sistema,continuar plantando e produzindo, a Casta dominante que nos escraviza vai continuar ditando as regras. O que está acontecendo na Europa não é bom exemplo para seguirmos. Se o Agro parar de produzir, o Brasil quebra e não haver Casta que resista e o mundo tambem vai ser afetado. Basta parar. Somente parar e nada se expor nas ruas e estradas.

      0
    • Marcio Magarinos OutrosTio Hugo - RS

      Sr Gerd bem isso, não tem necessidade, é só parar ou diminuir muito a produção.

      0
    • Paulo Roberto RensiBandeirantes - PR

      Sou um septuagenário, ou seja, estou na "casa dos setenta". Então, já vi muita água passar por debaixo da ponte.

      O BraZil optou, através de suas políticas públicas, ser um país produtor & exportador de matérias primas. Graças ao seu povo trabalhador, nos tornamos em 50 anos, um país importador de alimentos ao grande player exportador. Hoje somos responsáveis em alimentar mais de 1 BILHÃO de pessoas no planeta Terra.

      Vejam nossa responsabilidade. Devemos sim, exigir de nossos representantes políticos uma mudança dessa realidade.

      Poderíamos começar a construir industrias de transformação dessas matérias primas que exportamos. Agregando valor ao produto acabado e exportando-o, para os mercados consumidores. Tudo isso, ocorre com planejamento e seriedade dos setores da sociedade envolvidos. Ou seja, "seriedade" é uma mercadoria que não se encontra nas prateleiras do poder público ultimamente.

      Vejo e antevejo, que não vou vivenciar esse tipo de mudança, pois meu tempo se esgota. Esse é o "peso" da idade, a realização dos seus sonhos deve ser curta e rápida.

      O pior é que a realidade atual nos leva num sentido completamente contrário. O socialismo é a ante sala do comunismo e, a corrupção da linguagem atua há algumas décadas no nosso BraZil. Muitos perderam o rumo entre o "certo & errado".

      0
188bet Mapa do site